terça-feira, agosto 22, 2006

Pais Babados

Matt Archbold com um do seus filhos - Foto de Art Brewer, Surfer, Outubro de 1998

Pai que é surfista, surfista que é pai, nunca deixa de imaginar a sua prole em cima de uma prancha… Até poderá haver algumas excepções, mas apenas para confirmar a regra… É inevitável… Que coisa haverá melhor para lhes oferecer que uma fonte de gozo e alegria tão eficaz como o surf…

Antes do meu Puto T nascer já eu tinha sonhado com ele a ensaiar um hang-five de forma descontraída… E sem sombra de dúvidas que mantenho como grande ambição vir a dar umas surfadas com ele…

Racionalmente pretendo, acima de tudo, que ele se descubra a si próprio e que venha a realizar os seus próprios interesses, não os que eu lhe projecte ou imponha… mas de quando em vez descubro o meu inconsciente a avaliar-lhe o gosto por água e o seu à-vontade junto ao mar… é claro que, também o levei a aulas de natação logo em bebé, ainda n tinha ele um ano e que quando lhe dou banho lhe molho imenso a cara para ele se vir a habituar aos wipe-outs mais tarde…

Na Caparica costuma aparecer aos fins da tarde uma família na praia… O pai entra com dois miúdos pequenos, talvez com os seus 7 - 8 anos, ou nem sequer tanto e juntos dão uma surfada… o pai vai-lhes dando umas dicas e motiva-os quando eles arrancam nalguma onda e eles passeiam a sua boa disposição, típica de crianças, sobre a água… Depois saem todos do mar e vão ter com o largo sorriso da mãe que os espera na praia com as toalhas… é bonito de se ver…

No fórum Atitude-Surf também estão por lá uns quantos pais babados, que sempre que têm oportunidade, partilham fotos e vídeos dos seus rebentos nas suas primeiras experiências surfísticas… ou quase…

Num filme que vi recentemente, salvo erro o “Free Ride”, aparece o Donovan Frankenreiter e o seu filho de um ano, ambos de pé, a deslizar de longboard numa onda… A seguir perguntam ao petiz o que ele achou da sua primeira onda a que ele balbucia uns sons imperceptíveis revelando que ainda nem sequer sabe falar…

Também no filme “Fábio Fabuloso”, aparece o próprio orgulhosamente a surfar com a sua molecada… Fabuloso…

Nas fotos aparece o meu Puto T ainda indeciso se vai ser goofy ou regular.

7 comentários:

Cuze disse...

PAI BABADO PA!!!
lolol
mt fx este texto!
é engraçado que eu tb sinto o mesmo que tu, mas sem ter putos (ainda). é um sonho que tenho, ter os meus putos... e surfar com eles daqui a mts mts mts anos...
tu ja tas uns anos à frente!!
força ai!
abraço

Coks ou Rui ou até mesmo có pró cá lol disse...

o Puto dá-lhe!!!
È só o que eu sei, ora não tivesse eu já passado momentos c ele em k tivessse topado a sua postura felina e destemida em relação ao mar. devo anunciar é k ele vai querer no mínimo um fato 4´3 pois ele gosta é de "inha boa".

nota: podias fazer uma montagem na foto , uma grde onda, p ficar brutal , lol ...
gostei do comentario final ...

do best
bjnhs pó CÁ

Pedro Ferro disse...

Brigadão, grande COX!

O meu puto pergunta por ti... qualquer dia já o levamos nas nossas surfadas...

Anónimo disse...

O teu blog é mt fixe,gostei mesmo!
Chamo-me Fábio e tenho 19 anos e adorava aprender a surfar mas moro mt longe do mar (perto de Beja).Tenho o sonho de um dia poder vir a prender a surfar,tou a pensar quando acabar o ano ir morar para perto do meu pai e inscrever-me numa escola de surf!
traceur_portugal@hotmail.com, adiciona-me se kizeres e se usares msn!
Abraços

Copos disse...

Tou aos poucos a ler os teus textos e tou a curtir mto!

O puto q tá na foto c o Archbold,chama-se Ford Archbold e parte a loiça toda actualmente,sendo considerado uma das maiores esperanças americanas...e só tem uns 11 anos!

Grande abraço e boas ondas!!

Pedro Ferro disse...

Oi Fábio, se espreitares o meu perfil verás que actualmente tb moro longe do mar, talvez mais do que tu... mas felizmente, por razões profissionais desloco-me frequentemente e por alguns dias p o litoral... pelo menos dá p matar o vício, mas n é, de longe, uma situação confortável...
Abraço!

Pedro Ferro disse...

Bem vindo ao blog, Copos, espero ir conseguindo por textos que te cativem a ti... seria bom sinal, certamente, manter tão eminente personalidade interessada no que escrevo... Espero que de vez enquando venhas cá passear a tua tão vasta cultura surfística, ;). Realmente n sabia q o puto já era uma estrela, eu sempre curti a atitude , o surf e as tatuagens do pai...

Abração